Saiba como usar seu Imposto de Renda para fazer o bem

Em Araguaína, há importantes projetos culturais e sociais reconhecidos como o grupo de teatro Art Palco, casas de apoio e ONGs

Você pode usar o seu Imposto de Renda para ajudar projetos sociais! Por lei, é possível abater até 6% do imposto devido – para quem não é isento e opta pelo modelo completo de declaração – por meio de doações feitas por pessoa física a organizações sociais e entidades beneficentes, sejam elas ligadas a fundos de direitos da criança e do adolescente, do idoso ou também para instituições e projetos que contemplam incentivos aos esportes, cultura e audiovisual.

Em Araguaína, você pode, além da lista que pincelamos abaixo, doar para o grupo Art Palco, que tem projeto aprovado na lei Rouanet e faz um importante trabalho social por meio das artes e dança. Pode doar ainda até 3% ao Eca (Estatuto da Criança e Adolescente). O melhor é que, quem paga sua doação é o governo, pois o valor é deduzido diretamente do imposto.

Quem fez doações em 2015 a algum projeto social pode incluir o valor na declaração do Imposto de Renda e o valor percentual do imposto retornará para o contribuinte por meio de desconto no pagamento do IR ou na hora da restituição. Caso ainda não tenha feito a declaração e quer incluir a doação, o valor do abatimento é de 3%.

Há, ainda, outras formas de doações como para o Programa Nacional de Atenção à Saúde da Pessoa com Deficiência (Pronas) e ao Programa Nacional de Apoio à Atenção Oncológica (Pronon), que podem ser feitas destinando 1% do imposto para cada um dos projetos.

Para evitar cair em golpes e fraudes, visite a instituição e conheça a fundo para onde deseja fazer uma doação. Confira aqui algumas instituições com trabalho sólido e reconhecido para as quais você pode doar:

Grupo Art Palco

Hospital Pequeno Príncipe

Doutores da Alegria

AACD

GRAAC

Casa Hope

Conheça as ONGs atuante em Araguaína acessando o link abaixo:

http://www.ongsbrasil.com.br/default.asp?Pag=1&Destino=Instituicoes&Estado=TO&Cidade=Araguaina

 

Fonte original: http://www.administradores.com.br

Imagem: http://www.ageconsulting.com.br/

Próximo postRead more articles